A CIA admitiu que várias nações possuem a habilidade de modificar o clima, a geoengenharia, como arma de guerra.



Venha conhecer o nosso canal de Ufologia 

Já sabemos que os serviços secretos estão sempre atrás de informações confidenciais, e são capazes de tudo para lograrem êxito. Mas dessa vez uma informação veio à tona.
 
Alan Robock da Universidade de Rutgers, afirma que o seu departamento em Nova Jersey foi contratado pela CIA para controlar o clima de outras nações.

O climatologista diz que os membros que o contrataram, perguntaram: “Se controlarmos o clima de outro lugar, eles saberiam disso?”.
 
O professor Alan Robock junto com Fidel Castro.

Robock respondeu aos consultantes que toda mudança climática de larga escala pode ser detectada.

Obviamente a CIA parece ter um interesse bem aguçado quando o assunto é a manipulação climática. Na verdade, Robock. O Daily Mail publicou um artigo que dizia:

Professor Robock afirmou que a CIA disse a um de seus colegas que eles queriam patrocinar as pesquisas (de geoengenharia), mas aparentemente não queriam que isso parecesse tão óbvio”.

Robock mostrou sua preocupação pois a CIA é a maior financiadora das Academias Nacionais, sendo assim a chance deles manterem o controle é muito ampla.

O professor ainda explica que a manipulação do tempo não é algo novo, e menciona que no Vietnam durante 5 anos, aviões norte-americanos realizaram missões de lançar produtos químicos nas nuvens prolongando a estação chuvosa na região.
Ao contrário do que pensamos, são diversas as formas de armas bélicas.

Segundo o professor, o mesmo teria acontecido em Cuba, quando os americanos arruinaram as plantações de açúcar, novamente com a manipulação das nuvens, produzindo chuvas intensas.

Lauren Casey, meteorologista do canal CBS também falou sobre a manipulação do clima nos anos 50.

“Após a Segunda Guerra Mundial, a Inglaterra procurou um método de manipulação do clima para adicionar em seu arsenal. A Força Aérea Real conduziu um experimento de semeação das nuvens chamado de ‘Operation Cumulus’, próximo a North Devon, Inglaterra”.

A meteorologista explica que a grande quantidade de chuva em um período curto, causou grande destruição na área.

“O experimento causou um dilúvio em 24 horas, uma quantidade de chuva para 3 meses. 9 milhões de toneladas de água varreu o vale para a cidade de Lynmouth, destruindo construções inteiras e arrastando os moradores para o mar”.

A HAARP, localizada no Alasca, é um local de investimentos milionários para a manipulação do clima, com o potencial de alterar o clima em uma elevada escala sobrecarregando a ionosfera.

A Força Aérea já admitiu que esses tipos de experimentos podem e estão sendo realizados.
Robock avisa: “Se um país quiser controlar o clima de uma maneira, enquanto o outro não quer, se não houver um acordo… isso resultaria em terríveis consequências”.

Muitos acreditam que países como a Rússia e a Coreia do Norte têm essa carta na manga, programas de geoengenharia, da manipulação do clima.

 Veja o video:


venha conhecer o nosso canal ufologia LanDroid, clique na imagem do YouTube para ser redirecionado