Múmia de 1500 anos usando tênis pode provar a existência de viagens no tempo - VEJA



 Venha conhecer o nosso canal de Ufologia 

Até agora só uma parte está visível, seus pés, que curiosamente estão calçados com botas de aspecto moderno, algo tremendamente estranho, já que se trata de uma múmia com aproximadamente 1.500 anos de antiguidade. Também parece ser o primeiro enterro turco completo da Ásia Central. Os restos foram encontrados em uma altitude de 9.200 pés (2.803 metros). O pesquisador B. Sukhbaatar, do Museu Khvod, disse:“Essa pessoa não era da elite, e acreditamos que provavelmente era uma mulher, porque não há nenhum arco na tumba. Agora estamos desenfaixando o corpo com cuidado, e uma vez que todos os processos planejados estejam concluídos, os especialistas poderão dizer com maior precisão o gênero do achado”. Uma grande quantidade de pertences também foram encontrados na tumba, que oferece uma visão única da vida na Mongólia por volta do século 6 d.C. Os achados incluem uma cadeira de montar, bridões, vasos de argila, tigelas de madeira, uma cubeta, uma chaleira de ferro, restos de um cavalo inteiro e roupa antiga. Também havia travesseiros, uma cabeça de ovelha, uma sacola de viagem que continha toda a parte posterior de uma ovelha, ossos de cabra pequenos, assim como uma sacola de couro desenhada para levar uma xícara. Os primeiros grupos turcos ocuparam uma área que vai desde a Ásia Central até a Sibéria a partir do século 6 a.C. Fonte: Saúde, Vida e Família


        venha conhecer o nosso canal ufologia LanDroid, clique na imagem do YouTube para ser redirecionado